Novo lockdown a partir de sexta feira em Alegrete

            ALEGRETE    DECRETA  NOVO LOCKDOWN

Em reunião com inúmeras lideranças dos mais diversos setores e segmentos do município que formam o Comitê Covid-19, decidimos conjuntamente por realizar um novo lockdown a partir de sexta-feira à noite, repetindo a semana que passou. Tentamos neste momento manter a coerência para evitar que a situação chegue a um ponto extremo. Priorizamos a vida sempre e antes de tudo.

Mas pedimos que a população colabore, cumprindo todos os decretos elaborados até então para conter o contágio e achatar a curva de contaminação, especialmente no que diz respeito ao distanciamento social e ao uso de máscaras. Ao mesmo passo em que os índices de isolamento social estão despencando, a contaminação aumenta, colocando-nos em risco de colapso hospitalar.

Por isso, faremos novo lockdown. O sistema público e privado de saúde local não tem condições de enfrentar um surto elevado de COVID-19, sendo assim,, caso a disseminação continue nos moldes atuais, há risco de insuficiência de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes graves, não somente do novo coronavírus, mas também os acometidos de outras tantas sérias doenças que igualmente necessitam de UTI. Nesta terça-feira, foram registrados 14 novos casos positivos e 10 pacientes recuperados. Ontem foram mais 12. Também nesta terça-feira foi confirmado o décimo óbito por Covid no município, uma mulher de 76 anos que faleceu no último sábado, ela estava na UTI aguardando resultado do exame e apresentava outras comorbidades. Outra paciente, da cidade de Santiago, veio a óbito hoje, ela estava internada na Santa Casa de Alegrete mas o óbito contabiliza para o seu município de origem.

Com a nova atualização, o número de casos confirmados chegou a 205, com 130 recuperados, 65 ativos (54 em isolamento domiciliar e 11 hospitalizados) e 10 óbitos.

São 2.393 pessoas testadas, sendo 2.181 negativos, 205 positivos e 7 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 280 pessoas.

Lockdown

NOVO LOCKDOWNEm reunião com inúmeras lideranças dos mais diversos setores e segmentos do município que formam o Comitê Covid-19, decidimos conjuntamente por realizar um novo lockdown a partir de sexta-feira à noite, repetindo a semana que passou. Tentamos neste momento manter a coerência para evitar que a situação chegue a um ponto extremo. Priorizamos a vida sempre e antes de tudo. Mas pedimos que a população colabore, cumprindo todos os decretos elaborados até então para conter o contágio e achatar a curva de contaminação, especialmente no que diz respeito ao distanciamento social e ao uso de máscaras. Ao mesmo passo em que os índices de isolamento social estão despencando, a contaminação aumenta, colocando-nos em risco de colapso hospitalar. Por isso, faremos novo lockdown. O sistema público e privado de saúde local não tem condições de enfrentar um surto elevado de COVID-19, sendo assim,, caso a disseminação continue nos moldes atuais, há risco de insuficiência de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes graves, não somente do novo coronavírus, mas também os acometidos de outras tantas sérias doenças que igualmente necessitam de UTI. Nesta terça-feira, foram registrados 14 novos casos positivos e 10 pacientes recuperados. Ontem foram mais 12. Também nesta terça-feira foi confirmado o décimo óbito por Covid no município, uma mulher de 76 anos que faleceu no último sábado, ela estava na UTI aguardando resultado do exame e apresentava outras comorbidades. Outra paciente, da cidade de Santiago, veio a óbito hoje, ela estava internada na Santa Casa de Alegrete mas o óbito contabiliza para o seu município de origem.Com a nova atualização, o número de casos confirmados chegou a 205, com 130 recuperados, 65 ativos (54 em isolamento domiciliar e 11 hospitalizados) e 10 óbitos.São 2.393 pessoas testadas, sendo 2.181 negativos, 205 positivos e 7 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 280 pessoas.

Posted by Márcio Amaral on Tuesday, July 28, 2020

Facebook Comments Box

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *