Mulher que gravou vídeo antes de tentar se matar com a com a filha é presa

   A mulher de 34 anos envolvida no acidente da BR-386, em Lajeado, suspeita de provocar o acidente que envolveu a filha de 2 anos, foi presa preventivamente na tarde desta quarta-feira, dia 16, pela Polícia Civil, depois de receber alta hospitalar.
Ela estava internada há 29 dias na Região Metropolitana de Porto Alegre. Passou por cirurgias e nesta quarta recebeu alta.
       O pedido de prisão preventiva solicitada pelo delegado Márcio Moreno foi decretado no dia 21 de maio, mas o inquérito policial ainda está em andamento.
Lembre do acidente


A mulher e a filha de anos trafegavam em um carro com placas de Cruzeiro do Sul pela rodovia quando teriam batido de frente em uma carreta. A criança foi levada com poucos ferimentos para o hospital e a mulher ficou presa às ferragens com ferimentos graves.
Visor Notícias | Mulher que gravou vídeo com a filha antes de jogar carro contra carreta segue na UTI - Visor Notícias
No mesmo dia, logo depois do acidente, um vídeo começou a circular em que a mulher fala sobre provocar um acidente envolvendo a filha. A polícia pediu a prisão preventiva da mulher após investigar as circunstâncias e ouvir o pai da criança.
Com filha de 2 anos no carro, mãe é suspeita de causar colisão com carreta no
Facebook Comments Box

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *