Falsos pedreiros presos após crime em Santiago

Uma ação conjunta da Brigada Militar de Santiago, de Santa Maria e de Novo Cabrais, através de guarnições da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), Setores de Inteligência e Batalhões Rodoviários, resultou na prisão de quatro homens na terça-feira, 11, na RSC 287, em Novo Cabrais, na região Central do Estado, pelo crime de furto qualificado ocorrido horas antes em Santiago. O carro que eles usaram no crime, um Monza bordô, identificado por imagens de câmeras de segurança, foi apreendido.

Os quatro estiveram em uma residência, no Centro de Santiago, onde abordaram os moradores, um casal de idosos, informando que eram pedreiros e que ao realizarem uma obra ao lado, notaram que o telhado da residência do casal estava com defeito. Os bandidos se ofereceram para realizar o conserto e, dessa forma, distraíram os idosos e furtaram joias avaliadas em R$ 9 mil, 700 reais e um cartão bancário com o qual sacaram mais R$ 1.500. O crime só foi percebido pelos idosos após os falsos pedreiros deixarem a residência.

Com Marlon dos Santos, de 18 anos; Marcos dos Santos Rodrigues, de 34 anos; Sidinei Santos da Silva, de 27 anos e Dieferson David Rodrigues Viana, de 27 anos, os policiais localizaram o cartão furtado e R$ 2.283,00. Três dos acusados são irmãos.

A prisão foi registrada na Polícia Civil de Novo Cabrais, porém caberá a Polícia Civil de Santiago apurar as circunstâncias do crime e indiciar os acusados. Inicialmente, os quatro foram autuados por Furto Qualificado. Por enquanto, o quarteto está em liberdade já que não coube registro de flagrante no momento da prisão.

Veja mais detalhes da ação com informações do Sargento Giovane Rodrigues, do Setor do Inteligência da Brigada Militar de Santiago:

Fonte: Blog Rafael Nemitz

Facebook Comments Box

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *