Cidade do interior de São Paulo, cria pulseira para identificar casos suspeitos e confirmados de Covid-19

Bracelete só poderá ser removido com aval médico e quem descumprir a medida poderá ser multado em R$ 300


Moradores de Nova Granada, no interior de São Paulo, contaminados ou com suspeita de Covid-19 começaram a  usar uma pulseira colorida de identificação desde  segunda-feira (08).

    O acessório só poderá ser removido após alta médica e quem não cumprir a medida será multado em R$ 300.

Um bracelete vermelho será destinado aos diagnósticos positivos. E um amarelo sinalizará os casos em investigação.

       

Com pouco mais de 21.600 habitantes, o município já soma 1.700 infectados e 38 mortes, sendo 5 só na última semana. 3 pessoas perderam a  vida à espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A prefeitura espera abrir seis vagas de enfermaria até o fim desta semana. 

 

Fonte: Sistema Brasileiro de Televisão SBT

Facebook Comments Box

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *