Brigada Militar de Passo Fundo recebe novas armas

Investimento é de R$ 180 mil e tem origem no Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública (Piseg)

A Brigada Militar de Passo Fundo recebeu novos armamentos para atividade policial na tarde de terça-feira (4).

O investimento teve origem na lei de incentivo à segurança pública do Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública (Piseg).

A lei permite a compensação de valores destinados ao aparelhamento da segurança pública com valores correspondentes ao ICMS a recolher.

Assim, empresários podem destinar parte do que devem em ICMS – principal imposto estadual cobrado sobre a circulação de mercadorias e serviços – para o combate à violência.

De acordo com o comandante do 3º RPMon da Brigada Militar, tenente-coronel Volnei Ceolin, a BM procurou empresários de Passo Fundo para que fosse possível o investimento ainda no ano passado.

Com o montante arrecadado, a BM escolheu o que deveria ser comprado.

O 3º RPMon de Passo Fundo recebeu seis fuzis T4 calibre 556, seis espingardas calibre 12, três armas de eletrochoque e seis rádios HT.

O valor do investimento chega a R$ 180 mil e teve como apoiadores Oniz Distribuidora, BSBios, Farmácias São João e Basso Pancote. “Sensibilizamos os empresários e hoje conseguimos materializar isso. Com mais recursos, conseguimos atender melhor a sociedade e dar mais sensação de segurança, não só para quem aportou o recuso, mas para toda a comunidade de Passo Fundo”, disse Ceolin.

As armas serão utilizadas pela Força Tática do 1º Esquadrão, que atua em Passo Fundo e outros municípios que fazem parte do 3º RPMon.

A cerimônia de entrega do armamento ocorreu na Associação Beneficente Antônio Mendes Filho da Brigada Militar (Abamf), em Passo Fundo, e contou com a participação de representantes das empresas, imprensa e policiais.

Facebook Comments Box

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *