ALERTA: Temporais fortes e severos devem atingir a região Metropolitana ainda esta noite

A MetSul reforça o seu alerta de temporais isoladamente fortes a a severos com chuva forte a torrencial, granizo isolado, vendavais localizados e muitos raios. 

O avanço de uma frente fria começou a mudar o tempo hoje (11) à tarde no Rio Grande do Sul com chuva localmente forte e temporais isolados a partir da fronteira com o Uruguai. No começo da noite, a chuva havia alcançando pontos do Oeste e do Sul gaúcho. 

 

TEMPO | A virada do tempo já ocorreu também em parte do Sul do Estado. Fotografia da cidade de Rio Grande por

Imagem

Instabilidade associada ao avanço de uma frente fria chegou nesta tarde à fronteira com o Uruguai. Fotografias de Livramento por Marcelo Pinto.

Imagem

Imagem

Choveu muito em algumas cidades. Pelotas teve um temporal com 40 mm em alguns bairros no começo da noite. Até às 20h, havia chovido 52 mm no Chuí e 40 mm em Uruguaiana, segundo o Inmet, mas produtores rurais do Sul gaúcho informavam à MetSul até 80 mm na área de Santa Vitória do Palmar.

 

A MetSul Meteorologia adverte que os temporais avançam até o Centro do Estado na noite desta segunda-feira (11) e ao longo da terça (12) o risco de chuva forte a intensa e de temporais isolados de vento e granizo prossegue no Estado. 

Em Porto Alegre e região, a instabilidade deve chegar entre o final desta segunda e o começo da terça com chuva forte ou torrencial e que pode ser volumosa com alagamentos. Rajadas de vento forte são prováveis e não se afasta vendaval. Há, assim, um alto risco de temporal, mas como a severidade varia muito de um ponto pra outro – fenômenos severos possíveis como downbursts são isolados – não se pode afirmar o quão forte será. Existe, porém, o risco de tempestade severa de chuva e vento na Capital e região capaz de gerar transtornos e danos e para esta possibilidade é que a população deve estar atenta. 

Podem ocorrer vendavais localizados com danos no Estado, mas a grande preocupação é com chuva que pode ser muito volumosa em curto período em algumas localidades com marcas de 50 mm a 100 mm em uma a duas horas, provocando alagamentos e inundações repentinas. 

É praticamente uma certeza que haverá alguns municípios gaúchos com elevadíssimos volumes de chuva e alagamentos nesta terça, mas não será uma chuva bem distribuída e em muitas cidades as precipitações devem decepcionar em volumes. 

A instabilidade vai ser maior nesta terça do Centro para o Norte do Estado e algumas cidades da Metade Norte, sobretudo mais próximas da faixa central do Rio Grande do Sul (paralelo 30ºS), já devem ter chuva forte e temporais no começo do dia. Entre esta terça-feira e quarta-feira (13), Santa Catarina e o Paraná também podem ter temporais. 

 

Facebook Comments Box

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *